Vozes da Fafiuv


Um coro misto de vozes aveludadas forma o Coral Universitário da Fafiuv. As atividades que tiveram inicio em 2001 encantam apresentações culturais pela região

           
           Arte da representação. Uma arte sublime. Uma arte de espetáculo. Foi pensando desta forma que o professor de Geografia da Faculdade Estadual de Filosofia, Ciências e Letras (Fafiuv), Marcos Antonio Correia, transportou sua paixão pela música para a elaboração em 2001 do projeto de criação de um coral universitário da Instituição.  A ideia deu certo! De 2001 para cá, o professor Marcos ficou conhecido como o regente do Coral Universitário Fafi. As primeiras apresentações iniciaram em 2002.
           Licenciado pela Ordem dos Músicos do Brasil e com um currículo arraigado de atividades voltadas na área musical, o professor Marcos ganhou aliados. Ou melhor, contou com o apoio de músicos e apreciadores. “O Coral Universitário tem caráter pedagógico – artístico - cultural. A intenção é a de preparar o acadêmico de licenciatura para um trabalho vocal; além de desenvolver a parte artística. A ideia é unir as vozes dos acadêmicos e professores e envolver a comunidade com belas canções”, afirma o regente.
            A cada início de ano o Coral Universitário recebe cerca de 50 inscrições para integrá-lo. O grupo, hoje, é formado por 30 componentes, entre acadêmicos, professores e funcionários.

Ensaios
            Os ensaios são realizados aos sábados, a partir das 13h, e sem horário definido para terminar. Pois, segundo o professor Marcos, a empolgação dos músicos é tanta que o repertório, composto por ritmos variados, é ensaiado mais de uma vez. “Nós trabalhamos a música como um todo. Escolhemos canções populares de diversos países e trabalhamos as letras e a origem do autor. É uma forma de se conhecer a arte musical”.

Convite é o que não falta
            A agenda do Coral Universitário Fafi demonstra o potencial artístico de seus componentes. Prova disto são os convites para apresentações. O que se percebe é que convites não faltam para esta turma de jovens cantores não é mesmo! O Coral tornou-se conhecido nas cidades do Sul do Paraná e Planalto Norte Catarinense devido o show de suas apresentações.

Ser músico é ...
            Palavra de quem entende do assunto. Para o professor Marcos, ser músico, em outras palavras, é viver a música. O que significa senti-la, aprecia-la e entende-la. “Ser músico é um dom de Deus”, afirma.
            Aficcionado pela música sua carreira começou cedo. Na infância as brincadeiras de menino foram substituídas pelo aprendizado das notas musicais. Mais do que isso. O professor Marcos nasceu com o ‘ouvido afinado’ para a música. “Sou musico autodidata. Aos dez anos entrei na Banda Municipal de me apaixonei pela música. Hoje, além de me dedicar para a disciplina de geografia, considero-me um apaixonado pela música”.

Serviço: Informações sobre o Coral Universitário Fafi podem ser obtidas na Instituição com o seu regente Marcos Antonio Correia, na praça Coronel Amazonas. O telefone é o (42) 3521 – 9100.

 

Foto


Coral Universitário Fafi

 

 

Assessoria de Comunicação
Coordenadora: Ana Paula Such
Acadêmica: Wannessa Stenzel  

Praça Coronel Amazonas, S/N - Centro Cx. P. 291 - CEP: 84600-000 - União da Vitória - PR - Fone/Fax: (42) 3521-9100