Professoras levam a história de União da Vitória e de Porto União ao VIII Seminário Nacional de Estudos e Pesquisas

“História, Sociedade e Educação no Brasil”, na cidade de Campinas-SP.

            O seminário aconteceu na cidade de Campinas, no Estado de São Paulo entre os dias 30 de junho a 3 de julho de 2009. Participaram as professoras Márcia Marlene Stentzler, Roseli B. Klein, Valéria Ap. Schena do colegiado de pedagogia da FAFI. Apresentaram o trabalho intitulado: UNIÃO DA VITÓRIA (PR) E PORTO UNIÃO (SC): REUNINDO FRAGMENTOS DA HISTÓRIA DA EDUCAÇÀO NA REGIÃO DO VALE DO IGUAÇU (1780 a 1930). Este trabalho é resultado das pesquisas realizadas através do Núcleo de Catalogação de Documentos Históricos da Região (NUCATHE), que é um dos GTs (Grupos de Trabalhos) vinculado ao HISTEDBR (Grupo de Historia da Educação do Brasil) da Universidade de Campinas. O Grupo é o primeiro da Instituição (FAFI) a obter o registro do CNPq, e já possui, entre as várias acadêmicas voluntárias que auxiliam, uma acadêmica bolsista da Fundação Araucária, que realiza sua pesquisa e colabora com o Grupo.
            Este grupo de trabalho investiga a Organização Escolar em Instituições Escolares na Região do Vale do Iguaçu, por meio de inventário e catalogação de materiais bibliográficos e documentais existentes em bibliotecas antigas, públicas ou privadas, dos Municípios de União da Vitória no Estado do Paraná e de Porto União no norte catarinense. A criação deste Núcleo de Documentação sócio/educacional da região do Vale do Iguaçu está sob a responsabilidade da Faculdade Estadual de Filosofia, Ciências e Letras de União da Vitória. O interesse deste estudo/catalogação é voltado para documentos que foram publicados até o final da década de 70, e os livros até a década de 50, do século passado. Esta pesquisa contribui para a compreensão de uma parte da história da educação paranaense especificamente no Sul do Paraná, que se constitui importante pólo regional nos âmbitos econômico e educacional neste período, atraindo para cá imigrantes e junto com eles a sua cultura. O objetivo desta investigação é resgatar dados sobre a organização escolar que possibilitem compreender como eram organizadas as escolas primárias, neste período, por meio dos registros em Instituições pioneiras na educação da região.
            A catalogação das fontes primárias e secundárias na Região do Vale do Iguaçu permite que os dados aqui levantados possam contribuir para a formação de um Catálogo Nacional de Fontes da Educação Brasileira. Este trabalho se encontra centralizado na Faculdade de Educação da UNICAMP, tendo sido realizados levantamentos em outras regiões do Estado do Paraná e mesmo em nível Nacional.
            “É preciso repensar a importância da catalogação para a cultura nacional, a fim de que se assegure também em nível internacional o compartilhar destas informações por meio da internet. Há hoje, em nível nacional, uma história construída em relação a esta atividade e cabe aos atuais pesquisadores se munir das experiências já consolidadas para construir ações que contribuam com a preservação e disseminação dos materiais históricos disponíveis em nível educacional. Esta é uma grande potencialidade desta pesquisa, pois, existe uma rica história nesta região e pouco se sabe onde se encontram documentos e sobre o que tratam, mostrando como ela foi construída. Nesse sentido, sente-se a necessidade de desvelar este universo particular e ao mesmo tempo público da nossa história”.
            O Grupo de professoras, com o apoio da Secretaria de Cultura de União da Vitória, vem realizando a organização e catalogação dos materiais do Arquivo Público, e já inicia trabalho de catalogação na escola Municipal Prof. Serapião, antigo Grupo Escolar, com total suporte da diretora, a Professora Alzeni.
            No arquivo Municipal foram catalogadas aproximadamente cem obras significativas para a História da Educação da Região, entre livros, atas, materiais didáticos, livros de registros entre outros. Existem ainda muitos outros materiais significativos (atas, livros de registros econômicos, atas de eleitores, plantas antigas, fotos, etc), que no momento não foram objeto de estudo, mas que estão devidamente acondicionados a fim de possibilitar o estudo de outros pesquisadores. Na escola Municipal Prof. Serapião o trabalho está apenas iniciando e já é possível se obter uma amostra dos resultados da pesquisa, pois os materiais são valiosíssimos, a começar por Atas antigas e de grande valor histórico, tendo em vista que esta instituição foi a primeira do Município.

Praça Coronel Amazonas, S/N - Centro Cx. P. 291 - CEP: 84600-000 - União da Vitória - PR - Fone/Fax: (42) 3521-9100