Fafi e Unicentro: "Que a vontade popular prevaleça"

 

Professor Ms. Éderson José de Lima

 

           Já faz quatro anos que se vem travando um diálogo sadio entre as duas instituições: FAFI e UNICENTRO são protagonistas de uma movimentação popular no sentido de transformar a Região Sul do Paraná em um polo de referência no que tange ao Ensino, Pesquisa e Extensão.
           O mesmo fato já acontecera com as cidades de Guarapuava e Irati, no ano de 1997, que passara pela mesma discussão popular com o intuito de promover a fusão entre as duas Instituições: FAFIG (Faculdade Estadual de Filosofia, Ciências e Letras de Guarapuava) e FECLI (Faculdade Estadual de Filosofia, Ciências e Letras de Irati).
            Após uma incessante discussão entre a comunidade acadêmica guarapuavana e iratiense, foi firmado pelo desejo popular e sacramentado pelo Decreto 3444 de 08 de agosto de 1997, estava, então, oficialmente criada a UNICENTRO – Universidade Estadual do Centro-Oeste do Paraná.
           A UNICENTRO não representa só uma instituição pública de qualidade para toda sua região de abrangência, mas, sobretudo um ícone de desenvolvimento regional. Hoje, essa micro-região do Paraná, que compreende municípios como: Guarapuava, Irati, Pitanga, Prudentópolis, Laranjeiras do Sul, Pinhão, Rebouças, Rio Azul, Imbituva, Fernandes Pinheiro, Teixeira Soares, dentre outros, não se imagina sem a inserção que a Instituição realiza junto à comunidade no trabalho com a Pesquisa e a Extensão, que auxilia principalmente a população mais necessitada.
           A UNICENTRO é uma instituição que apresenta uma estrutura universitária multicampi, podendo descentralizar suas atividades de ensino, pesquisa e extensão para outros municípios de sua abrangência. A UNICENTRO é uma instituição que apresenta características descentralizadoras, ou seja, apresenta outros campi regionalmente espalhados. Vale ainda ressaltar que, por apresentar uma estrutura multicampi, não há a centralização das tomadas de decisões, pelo contrário, há sim regulamento próprio aprovado por Colegiado Superior competente em cada uma das unidades de sua estrutura organizacional. A sua estrutura organizacional (de forma sucinta) é constituída por órgão de administração superior, intermediária, básica e órgãos suplementares. Um exemplo: os órgãos da administração superior - os deliberativos, consultivos e executivos, respondem pelas atividades administrativas e pedagógicas pertinentes as suas unidades (que são independentes) visando sempre o entrosamento entre os órgãos da administração intermediária e da básica, a fim de estabelecer e implantar as políticas universitárias e atender às realidades que cada um de seus campi.    
            A fusão da FAFI com a UNICENTRO representa um projeto de desenvolvimento social, político e econômico regional e conta (além da vontade popular firmada em 02 de junho de 2007, em reunião da Congregação acadêmica da FAFI e posterior votação unânime pela fusão da FAFI com a UNICENTRO na gestão do então diretor Professor Doutor Eloy Tonon), com o apoio de lideranças políticas regionais como o Deputado Estadual Pedro Ivo, Deputado Estadual Péricles (Ponta Grossa), Deputado Federal Vanhoni e AMSULPAR (Associação dos Municípios do Sul do Paraná) representada pelo seu presidente, o prefeito da cidade de Paula Freitas, Paulo Henrique Matos de Almeida e demais prefeitos dos municípios do Sul do Paraná.
              Em entrevista à Rádio União (AM) de União da Vitória no dia 29/05, o então Deputado Estadual Pedro Ivo anunciou o seu apoio ao projeto de unificação da FAFI com a UNICENTRO. Pedro Ivo disse: “... temos uma simpatia muito grande pela junção com a UNICENTRO...”, pois “... as realidades são muito parecidas, a agricultura familiar, áreas de floresta, a proximidade regional”. O teor da entrevista do Deputado Pedro Ivo girou em torno do apoio irrestrito ao projeto, que representa a vontade popular de unificação da FAFI com a UNICENTO. Salientou a importância de se colocar em pauta pontos importantes acerca da discussão e um deles é a proximidade regional entre as instituições que viabiliza logística e culturalmente a relação entre as comunidades acadêmicas. Pedro Ivo lembrou também de um projeto criado no passado, com o intuito de juntar a FAFI com outras faculdades isoladas do Estado do Paraná como a de Jacarezinho, Paranavaí, Paranaguá, Curitiba e União da Vitória; sobre esse projeto Pedro Ivo disse: “já se fez uma junção uma vez até com Jacarezinho... essa idéia não passa... não dá resultado... se teve uma idéia de juntar a de Paranaguá, Paranavaí, Curitiba e União... também é muito longe, a realidade é diferente...”.
           Portanto, finalizando nossa breve reflexão acerca desta discussão dos prós e contras da unificação da FAFI com a UNICENTRO, queremos e esperamos que a vontade popular seja respeitada e que os pontos positivos aqui elencados, que em sua maioria já são de conhecimento da comunidade acadêmica regional, prevaleçam.

 

Praça Coronel Amazonas, S/N - Centro Cx. P. 291 - CEP: 84600-000 - União da Vitória - PR - Fone/Fax: (42) 3521-9100