Gabriel Cesar Antunes dos Santos visita o Peru

PLE – Uma nova perspectiva para profissionais da área de Letras

 

            As mudanças ocorridas de maneira tão abruptada na Sociedade do Brasil, e a elevação de nosso país ao patamar das grandes potências têm mudado o perfil do modo de interpretação da comunidade internacional sobre nosso país continente. Observamos que durante o apogeu de Roma, a língua latina foi difundida e valorizada por quase todo o mundo conhecido na época, em outro momento, a colonização sistemática da Inglaterra e da Espanha no Novo Mundo, e a difusão de suas respectivas línguas. No final da Segunda Guerra Mundial a língua inglesa conquista o patamar de idioma das relações internacionais.

            Com a perspectiva de crescimento econômico e hegemonia regional, a língua e a cultura do Brasil, passaram nas últimas décadas a ser foco de interesse de vários países vizinhos, e outros não tão próximos. Na busca de promover nossa língua e cultura, o Governo Brasileiro em parceria com o Ministério das Relações Exteriores, organizou e colocou em funcionamento os chamados CBB – Centro Cultural Brasileiro – com o objetivo de ensinar a variedade da língua portuguesa falada no Brasil, e ser propulsor da Cultura Brasileira, promover um vínculo entre o Povo Brasileiro e os demais povos nos países em quais os CBBs estão sediados.

            Após diversas tentativas de contato com distintos Centros, conseguiu um convite para visitar o CBBP – Centro Cultural Brasileiro Peruano –  GABRIEL  CESAR ANTUNES DOS SANTOS - licenciado pela FAFI no Curso de Letras-Português/Inglês no ano de 2010,  para acompanhar diversas atividades promovidas no estabelecimento, ali teve contato com uma nova perspectiva de profissional para os formados na área de Letras, o ensino de PLE – Português como Língua Estrangeira.

            Gabriel afirma que o Povo Peruano é muito acolhedor, e enxerga o Brasil como sendo um ótimo vizinho, muitos estudantes do Peru têm interesse nas diversas bolsas de estudo e nas cooperações com as grandes universidades do Brasil, em programas de pós-graduação (latu sensu, mestrado e doutorado) fomentados pela CAPES e pelo CNPQ. Sendo assim, a busca por cursos de Português é cada vez maior em todos os países da América Latina.

            Para que estudantes do Brasil possam estudar em países de Língua Inglesa, é necessário a comprovação de uma pontuação mínima e teste de proficiência internacional, da mesma forma em países de Língua Espanhola. Para estrangeiros não falantes nativos de português estudar no Brasil, é necessário a comprovação do domínio da língua portuguesa através no certificado CELPE-BRAS – Certificado de Eficiência em Língua Portuguesa para Estrangeiros.

            O exame do CELPE-BRAS é feito em datas pré-estabelecidas em CBBs, em universidades cooperadas e/ou em locais devidamente credenciados pelo Itamaraty para o devido fim.

            Gabriel afirma que:  foi uma experiência muito enriquecedora, passar uma temporada no Peru, aprendendo sobre essa rica cultura vizinha que muitas vezes nos passa totalmente despercebida ou então estereotipada. Aqui fica uma dica para os acadêmicos do Curso de Letras com intenção de ampliar seus horizontes culturais e geográficos, o trabalho na área de PLE.

 

http://www.embajadabrasil.org.pe/ccbp/ccbpesp/nosotros.php

Fotos

 

Praça Coronel Amazonas, S/N - Centro Cx. P. 291 - CEP: 84600-000 - União da Vitória - PR - Fone/Fax: (42) 3521-9100